Vitaminas para Engravidar – Ácido Fólico para Engravidar

Vitaminas para Engravidar

Vitamina D – Gravidez

Há estudos que indicam que as mulheres que tomam mais Sol, tem maior fertilidade, e a vitamina D é conhecida como a vitamina do Sol, pois a maneira natural do organismo adquirir essa vitamina é tomando sol.

O sol deve ser tomado sem protetor solar na parte da manhã, antes das 10h, e aproximadamente por 20 minutos diários, para as pessoas com pele mais escura, esse tempo pode ser prolongado de 25 a 30 minutos, e deve se tomar sol principalmente nas pernas e braços.

Não adianta tomar muito Sol em um dia e no outro não tomar nada, pois o processo não é acumulativo,

O exame chamado 25-hidroxi vitamina D deve estar entre 30 a 60mg/mL, abaixo desse valor há deficiência da vitamina D, que pode acarretar em vários problemas, inclusive na infertilidade, alguns estudos indicam que apenas valores acima de 40mg/mL é que realmente fazem uma maior diferença para a fertilidade.

Esse exame não é pedido por todos os médicos, e pode ser solicitado via plano de saúde para o seu médico, ou mesmo fazer particular, esse exame não é caro e custa entre R$ 20,00 a R$ 30,00.

vitaminas-para-engravidarAs mulheres que tem a Síndrome do Ovário Policístico podem apresentar deficiência de vitamina D com maior intensidade, pois dentro do folículo há uma grande concentração dessa vitamina, e como as mulheres que tem ovário policístico não ovulam de maneira regular, elas podem não ter o folículo e consequentemente não ter vitamina D naquela região, e a vitamina D tem uma ação coadjuvante na ovulação, de forma que algumas mulheres que não ovulam, com a adição de vitamina D em sua dieta, podem voltar ovular sem precisar de nenhum tipo de indutor de ovulação inclusive.

Existem inúmeros casos de abortos espontâneos por conta da deficiência de vitamina D, e isso ocorre principalmente por irresponsabilidade e falta de conhecimento por parte de alguns médicos, que simplesmente não solicitam exames muito simples de serem feitos.

A vitamina D também influi na qualidade dos óvulos, de forma que as mulheres que estão com mais de 30 anos podem incluir um suplemento de vitamina D em sua dieta e serem tremendamente beneficiadas, muitas vezes essas mulheres mais velhas podem ovular, mas os óvulos não tem boa qualidade, e quando ocorre a fecundação, pode se vir a ter a geração de um embrião deficiente.

vitamina-d-gravidezA vitamina D também serve para os homens, melhorando a qualidade de seus espermatozoides, ajudando os a terem maior mobilidade, e regulando a quantidade de testosterona em seu organismo, de forma que uma baixa quantidade de vitamina D pode ocasionar deficiência de testosterona e resultar em um mais baixo apetite sexual.

A falta de vitamina D também é relacionada a distúrbios metabólicos e a resistência à insulina.

Além do Sol e de complementos vitamínicos, podem ser citados como boas fontes de vitamina D, alimentos como: sardinha, salmão, leite, ovos e iogurte. É sabido que a quantidade semanal ideal de vitamina D para o corpo humano é cerca de 8000 UI [unidades internacionais], ou aproximadamente 1143 UI por dia.

Vitamina E – Gravidez

A vitamina E auxilia na boa formação do endométrio, e deve ser consumida antes mesmo do período fértil, é encontrada em amêndoas, avelã, nozes e castanhas.

O preço dos suplementos de vitamina D geralmente varia em torno de R$ 19,00 a até R$ 60,00, e existem exemplares em cápsulas e em gotas, sendo que a maior absorção de vitamina D no organismo ocorre para suplementos em gotas.

Suplementos vitamínicos gestacionais que podem e devem ser usados pelas tentantes, pois são pré-gestacionais também, geralmente tem vitamina D em sua composição.

vitamina-c-gravidezVitamina C – Gravidez

A vitamina C é antioxidante, neutraliza os radicais livres, e favorece o início da gestação, é encontrada em goiaba, caju, pimentão, manga, frutas cítricas, e hortaliças.

Como tomar ácido fólico para engravidar

Ácido fólico é a vitamina B9 do complexo B, e é muito importante tomá-lo mesmo antes de engravidar, devido a sua importância principalmente para o primeiro trimestre da gravidez, quando se dá a formação do tubo neural do bebê, a coluna vertebral, e prevenção de doenças, como doença do lábio, anemia, anencefalia (ausência total ou parcial do cérebro), cardiopatia congênitas estruturais, além de prevenir contra abortos e a síndrome de Down, e ao mesmo tempo gerar possibilidade de reduzir a pré-eclampsia, a diabetes gestacional de causa simplesmente tardia, e também ajudar muitas mulheres que tem tendência a ter câncer de mama e câncer de cólon intestinal na expressão dos genes que levam a essas pré-disposições, e assim o ácido fólico foi tomando corpo mundial e hoje tem grandes indicações para quem quer engravidar.

acido-folico-para-engravidarSegundo um dos mais completos estudos realizados sobre o impacto da alimentação na produção de espermatozoides, uma dieta rica em ácido fólico é fundamental para a multiplicação celular, oque acaba resultando no aumento da produção de espermatozoides, apesar de que a pesquisa não atestou se essas novas células sexuais masculinas produzidas eram de boa qualidade.

O ácido fólico também é encontrado em vegetais de folhas verde-escura, e em brócolis, espinafre, tomate e no feijão, porém, em pequenas quantidades, por isso a importância de um completo vitamínico rico em ácido fólico.

>> Clique aqui para conhecer os alimentos que ajudam a aumentar a fertilidade <<

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *